sábado, 24 de janeiro de 2015

Coluna Rede Literária, edição # 127, de 24.01.15

PRÓLOGO

Gente bonita,

Tem sarau hoje ali no Mirandinha. Depois de uma tarde de praia ou de pura preguiça, é uma boa forma de abrir a noite de sábado antes de ir para as baladas. Se não for de balada, melhor ainda, pois em cada sarau aparecem novas indicações de leituras que podem render horas de pesquisa na madrugada pós-encontro.
Beijos poéticos,

Edgar Borges
Mande notícias: culturaderoraima@gmail.com/edgarjfborges@gmail.com
Siga no twitter: @borgesedgar

GESTÃO CULTURAL

Atenção, gestores públicos, conselheiros de culturas e agentes ligados a organizações não governamentais que estejam interessados em capacitar-se: a UFRR e a Secretaria de Articulação Institucional do Ministério da Cultura (MinC) lançarão no início de fevereiro o edital de um curso de extensão em Gestão Cultural. As aulas começam no dia 16 de abril. 60 vagas serão disponibilizadas.

SARAU



O Coletivo Arteliteratura Caimbé promove neste sábado(23) o primeiro encontro literário do ano em Roraima. É o Sarau da Lona Poética, que estará aberto à participação de escritores, declamadores, músicos e amantes da arte em geral. As atividades começam às 18h, no gramado do igarapé Mirandinha, bairro Caçari. A turma do coletivo quer aproveitar os saraus de 2015 para arrecadar exemplares de livros e HQs que ajudem a formar bibliotecas comunitárias em Boa Vista e em comunidades indígenas.


COLETA DE LIVROS

A campanha de coleta de livros e HQs é uma retomada de uma ação realizada em anos passados, visando promover a democratização do acesso à leitura. A colaboração é voluntária e não limita a participação de nenhuma pessoa no sarau. Livros técnicos e escolares não serão aceitos.

CARNAJAZZ

 

Pessoas que agendam com antecedência suas diversões: nos dias 14 e 15 de fevereiro acontece a 2ª Edição do Festival de Jazz do Tepequém, com participação dos artistas locais Sergio Barros & França, Regiojazz, Os Três do Jazz, e o power trio Veludo Branco. O festival ainda recebe do Amazonas Abner Viana Quinteto, Los Hermanos Peruka e as atrações internacionais Bolívar Blues e Viover y los Piraos. Vão lá, curtam e tragam seu lixo de volta para não poluir ainda mais a serra.






VISUAL


Obra do escritor paraense Abilio Pacheco. Veja mais em http://abiliopacheco.com.br

OS MAIS VENDIDOS DE 2014

O site PublishNews e a Nielsen Bookscan divulgaram a lista anual dos autores nacionais mais vendidos. Augusto Cury ficou em primeiro no ranking da lista de ficção (Felicidade roubada) e em segundo na de não ficção (Ansiedade – como enfrentar o mal do século). Esta, por sua vez, foi encabeçada pelo bispo Edir  Macedo, com o terceiro livro da trilogia Nada a Perder. Veja os cinco primeiros colocados nas duas categorias e as editoras que mais venderam em2014.



Ficção
1. Felicidade roubada, Augusto Cury, Saraiva (Benvirá)
2. Eu me chamo Antônio, Pedro Gabriel, Intrínseca
3. Fim, Fernanda Torres, Fernanda, Companhia das Letras
4. Armadilhas da mente, Augusto Cury, Sextante (Arqueiro)
5. O irmão alemão, Chico Buarque, Companhia das Letras


Não Ficção
1. Nada a perder - livro 3, Edir Macedo, Planeta do Brasil
2. Ansiedade - como enfrentar o mal do século, Augusto Cury, Saraiva
3. Kairós: o tempo de Deus, padre Marcelo Rossi, Globo (Principium)
4. Não se apega não, Isabela Freitas, Intrínseca
5. Dona Benta - Comer bem, vários autores, Ibep (Nacional)

Ranking das editoras
1. Sextante, com oito títulos
2. Autêntica, com sete títulos
3. Globo e Planeta, com quatro títulos cada
4. Companhia das Letras, Ediouro e Saraiva, com três títulos cada
5. Intrínseca e Record, com dois títulos cada
6. Ibep, Rocco, Topbooks e Vida e Consciência, com um título cada

ACERVO

Mais de 260 mil documentos, incluindo obras raras com mais de 300 anos, estão disponíveis para consulta no acervo digital da Biblioteca do Senado. A Coleção Digital de Obras Raras reúne também diversas revistas e manuscritos históricos do Brasil. Os arquivos digitais reproduzem fielmente todas as características das obras. Acesse em www.senado.gov.br/senado/biblioteca.


+ VISUAL 



Outra obra de Abilio Pacheco

EXPERIÊNCIAS



Experimento visual de João Gonçalves e Eduardo Aranha com extrato de um texto de Álvaro de Campos, heterônimo de  Fernando Pessoa. Veja outras aqui.

sábado, 17 de janeiro de 2015

Coluna Rede Literária, edição # 126, de 17.01.15

PRÓLOGO

Gente bonita,
Começa neste sábado uma longa jornada de folga que só acaba, para um monte de gente, na quarta-feira pela manhã. É que terça  comemora-se o Dia de São Sebastião, padroeiro do município de Boa Vista, e segunda já terá ponto facultativo em várias repartições. Aproveita o tempo para ler um livro, de preferência de autores regionais.
Beijos de feriado,

Edgar Borges
Mande notícias: culturaderoraima@gmail.com/edgarjfborges@gmail.com
Siga no twitter: @borgesedgar

SARAU DIA 24

Bota na agenda para não perder: no próximo sábado, dia 24 de janeiro, vai rolar o primeiro encontro poético de Boa Vista em 2015: é o Sarau da Lona Poética versão 2015. Será no igarapé Mirandinha, a partir das 18h. A turma do Coletivo Arteliteratura Caimbé, organizadora da atividade, quer aproveitar  para arrecadar livros e HQs que os ajudem a montar bibliotecas comunitárias em Boa Vista e em comunidades indígenas. Participem e doem o que puderem de material literário. Livros técnicos não, por favor.

SESC LITERATURA

Na próxima segunda (19) estarão abertas as inscrições para o Prêmio Sesc de Literatura. As categorias são Conto e Romance. Podem concorrer escritores brasileiros e estrangeiros, residentes no Brasil, com mais de 18 anos. A obra deve ser inédita. Saiba mais em www.sesc.com.br/premiosesc.

O PAPEL CRESCE


Livros feitos de papel lideraram as vendas em 2014 nos EUA, Reino Unido e Austrália, segundo divulgou o jornal “Financial Times”. O levantamento Nielsen BookScan apontou que o número de livros físicos vendidos nos EUA subiu 2,4% no ano passado, por exemplo.

EMPREGO

Olha a chance de trabalho: a Livraria Saber procura talentos que gostem de livros. Se você se enquadra no perfil e estiver buscando emprego, envie seu currículo para o email: saberlivraria@gmail.com.

PEQUENO PRÍNCIPE

A partir de 1º de agosto deste ano o texto O Pequeno Príncipe, do escritor e ilustrador Antoine de Saint-Exupéry, passa a ser de domínio público. O escritor francês faleceu em 31 de julho de 1944, aos 44 anos, quando o avião que pilotava caiu na região de Córsega. A ora foi publicada pela primeira vez em 1943e foi traduzida para o português em 1954 por Dom Marcos Barbosa.

POEMA

Eu te visito
Pra te pescar
Me alimentar de ti
E me tornar melhor

Texto antropofágico de Carolina Uchôa.

ACIDEZ

O ilustrador espanhol Luis Quiles selecionou alguns comportamentos sociais atuais e os recriou ácida e artisticamente. Confere algumas nesta edição. Se quiser ver mais, acesse http://gunsmithcat.deviantart.com/.

Monetização dos atletas profissionais


Estereótipos



Submissão: “com isso eu vou controlar sua vida”


Geração notificação


Efeitos da guerra



Homofobia


Censura

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

UFRR promoverá curso de extensão em Gestão Cultural



A Universidade Federal de Roraima (UFRR) e a Secretaria de Articulação Institucional do Ministério da Cultura (MinC) vão promover um curso de extensão em Gestão Cultural.

O lançamento do curso acontece nesta sexta-feira (16 de janeiro), às 15h, no salão nobre do prédio da reitoria da UFRR.

O curso será voltado à formação de gestores públicos, conselheiros e agentes de cultura com a finalidade de dotá-los de conhecimento e de empoderamento na gestão e formulação de políticas públicas de cultura e a consolidação do Sistema Nacional de Cultura (SNC).        

O lançamento será aberto a participação de representantes de todos os municípios do Estado de Roraima, conselheiros de cultura e membros de organizações culturais.

sábado, 10 de janeiro de 2015

Coluna Rede Literária, edição # 125, de 10.01.15

PRÓLOGO

Salve, povo bacana.

Chegou 2015 e eu, sinceramente, espero que as esferas municipais e estadual caprichem na gestão da área cultural, indo muito além da promoção de eventos e essas ações de sempre que não somam nada. Já passou do tempo de serem implementadas políticas culturais que ultrapassem o mau costume de sempre esperar os pedidos de balcão para fingir que se trabalha.


Edgar Borges
Mande notícias: culturaderoraima@gmail.com / edgarjfborges@gmail.com
Siga no twitter: @borgesedgar

PÓS-GRADUAÇÕES

A UFRR publicou esta semana o edital de seleção de 19 candidatos aos cursos de mestrado e doutorado em Educação ofertados em parceria com a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Podem inscrever-se professores efetivos da UFRR e do IFRR. Clica no link para saber mais: http://bit.ly/1x3mJIn.

POEMAS VISUAIS





A coluna está embelezada nesta edição pelas obras de Alexandre G Vilas Boas, integrante do Coletivo 308 e professor de Desenho e Gravura na Universidade de Guarulhos (SP). No blog da coluna tem mais coisa dele. 

LAMENTO NA REDE



O filme roraimense “O Último Lamento”, dirigido por Alex Pizano, já está disponível para o público na internet. É só clicar no link e curtir o curta, que tem participação de um bocado de gentes boas de Roraima: http://vimeo.com/59925191.



CURSOS

O Sesc-RR vai abrir vagas para os cursos de Balé Moderno, Balé Clássico, Dança de Salão, Teclado, Violão, Orquestra, Coral e Teatro, Dança Mix, Orquestra Infanto-juvenil, Orquestra Camerata e Escola Livre de Canto (Elca). Interessados devem se inscrever de 19 a 31 de janeiro, no Centro de Atividades Mecejana.











 POEMA



Vontade

Vontade de abraçar
E sussurrar no teu ouvido
Palavras de amor
E ver tua epiderme
Arrepiar
Vontade de abraçar
E sentir teu corpo
Junto ao meu
Em sofreguidão
De amar
Vontade de abraçar
E tocar sem pressa
Em cada centímetro
Sem receio
Nem hora pra acabar.

Poema de Romildo Carvalho.



MAIS CULTURA

Os ministérios da Cultura (MinC) e da Educação (MEC) promoverão uma webconferência para tirar dúvidas sobre o edital Mais Cultura nas Universidades. O evento acontecerá na próxima quarta-feira (14), das 16h30 às 17h30 (Horário de BSB). O edital destinará R$ 20 milhões a universidades federais e institutos federais de educação para a realização de projetos que desenvolvam e fortaleçam a arte e cultura brasileiras.
Os interessados em participar da webconferência devem enviar, com antecedência, suas dúvidas ao endereço eletrônico maisculturanasuniversidades@cultura.gov.br. Na data e hora do evento, o acesso se dará por meio do link  http://portal.mec.gov.br/transmissao/?secao=setec.



MAIS POEMA

Velejando no seu mar

No alto que flanges os mares,
Navego no seu corpo em ondas.
Que Ganges fosse o sentido dos ares,
Nas águas calmas ancoro, de carícias, as gôndolas .

E fosse notório seu olhar vulpino ,
Observa... o desejo latente...
Na mata virgem me sinto peregrino
A desvendar seu mistério ardente.

A viagem é longa como o tempo.
Se fosse nugas não adormeceria,
Voava cônscio nos braços do vento
E no dia seguinte voltaria...

Texto de Marvin França.

 

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Coluna Rede Literária, edição # 125, de 20.12.14

PRÓLOGO

Salve, povo lindo que curte esta coluna!

Então é quase Natal. Lembre-se de comprar um livro também para presentear as pessoas que você gosta. Passe nas livrarias e compre as obras de nossos autores locais, difundindo a cultura literária do Estado.
Um beijo a tod@s e até janeiro, pois folgaremos nas semanas de Natal e Ano Novo.
Inté lá.

Edgar Borges
Mande notícias: culturaderoraima@gmail.com / edgarjfborges@gmail.com
Siga no twitter: @borgesedgar

 

ARTE EM MADEIRA

As manhãs deste sábado e domingo (20 e 21) são as últimas duas oportunidades que você tem neste ano para adquirir as peças lindas fabricadas em madeira reutilizada pelo artesão/artista Jj Vilela. O material fica em exposição no Barracão do Poeta Café, rua José Francisco 95, esquina com a rua Manoel Pereira da Castro, bairro Jóquei Clube.

 




TOMARROCK

Olha a pedida musical do final de semana: a Praça do Mirandinha será palco da 7ª edição do Festival TomaRRock, promovido pelo coletivo Canoa Cultural. No sábado se apresentam as bandas Dória, The Joy, Arroto do Sapo, Johnny Manero, Dr Yoko, Old Funereal e Iekuana. Domingo é a vez de  Vinicius Tocantins, Míssil Javali, Bruna Vitória, Red Roof, Bluts, Projeto Churras e Jamrock. Os shows começarão às 18h.

CONCURSO LITERÁRIO

Estão abertas até o dia 31 de dezembro as inscrições para o 17º Concurso Nacional de Desenho, Redação e Artigo, promovido pela Imprensa Nacional. Podem concorrer aos R$ 30 mil em prêmios estudantes da educação básica e de graduação. Crianças do primeiro ao quinto ano do ensino fundamental podem participar fazendo um desenho tendo como tema Ayrton Senna Visita o Museu da Imprensa. O Legado do Compositor e Cantor Baiano Dorival Caymmi é o tema da redação para alunos do sexto ao nono ano do ensino fundamental. Já para os três anos do ensino médio, o tema da redação é O Sentimento Nacional de Ary Barroso, compositor destacado da música popular brasileira. Os universitários de qualquer área da graduação podem concorrer com um artigo sobre a importância dos museus na formação cultural do país. Saiba mais em http://portal.in.gov.br/.

NOITE DE POESIA

O coletivo Arteliteratura Caimbé promoveu na sexta passada a última edição em 2014 do Sarau da Lona Poética. Dezenas de poetas, músicos e amantes da arte participaram das quase quatro horas do evento, realizado na livraria Saber, parceira da atividade, que incluiu também o lançamento da obra Roraima Contemporâneo, de Ivonísio Lacerda, e sorteio de livros, poemas ilustrados e vale-compras na Saber. Confira algumas das imagens. Se quiser ver mais, acesse www.caimbe.blogspot.com.br.











sábado, 13 de dezembro de 2014

Coluna Rede Literária, edição # 124, de 12.12.14

PRÓLOGO

Bom sábado, povo lindo!
Olhem que legal a minha versão para aquela música insuportável da Simone que as TVs e supermercados botam para tocar sempre nesta época do ano: “então é Natal, o que você fez? Fez tudo errado, de novo, outra vez?”. Juro que se tentarem cantar, cai direitinho na métrica. No mais, feliz quase natal para todo mundo!
 
Edgar Borges
Mande notícias: culturaderoraima@gmail.com/edgarjfborges@gmail.com
Siga no twitter: @borgesedgar

CHECK-LIST CULTURAL DA DEPRESSÃO
 
Fiz uma lista dos prédios culturais/históricos da cidade. Parei no 10 para não me jogar da ponte dos Macuxi, que ainda está funcionando:

1.    Casa da Cultura: fechada
2. Intendência: fechada
3. Centro Multicultural da Orla: fechado
4. Teatro Carlos Gomes: fechado
5. Museu Integrado de Roraima: fechado
6. Biblioteca municipal: fechada
7. Biblioteca estadual: só funciona em horário comercial e não abre aos finais de semana... Quase fechada, então.
8. Galeria do anfiteatro do parque Anauá: fechada
9. Bibliotecas dos municípios: quase todas fechadas
10. Prédio antigo da Secretaria Estadual de Educação: abandonado

LANÇAMENTO
  

O professor e jornalista  Ivonísio Damasceno Lacerda lançou ontem na livraria Saber o livro de artigos Roraima Contemporâneo, uma coletânea de materiais publicados pelo autor em jornais do Estado.  A obra está na livraria para compra e pode ser pedida também em seu perfil no Facebook. Procura lá.

SARAU 
Também rolou ontem na Saber a última edição neste ano do Sarau da Lona Poética, organizado pelo Coletivo Arteliteratura Caimbé. Foi uma confraternização aberta entre pessoas que curtem poesia.  As fotos estarão aqui no próximo sábado, mas você entrar lá pela segunda no blog do grupo  se quiser adiantar  serviço: www.caimbe.blogspot.com.br.

BIENAL DA UNE



Estão abertas as inscrições para  a 9ª Bienal da União Nacional dos Estudantes (UNE), prevista para ser feita de 1 a 6 de fevereiro.  As inscrições estão abertas no site www.bienaldaune.org.br . Podem se inscrever estudantes em geral e aqueles que desejam apresentar trabalhos nas áreas da música, literatura, cinema, artes cênicas, artes visuais, artes plásticas, extensão universitária, ciência e tecnologia.

HOBBIT

A Trilogia “O Hobbit” será tema de pesquisa internacional. Pesquisadores em 46 países vão colaborar na busca por respostas a uma pesquisa projetada para descobrir os significados que o universo fantástico tem para pessoas de todo o mundo. A pesquisa (disponível em www.worldhobbitproject.org) vai coletar respostas em mais de 30 idiomas.

DÊ LIVROS

 
 


Gente, chegou o Natal e nada como um livro para inovar nos presentes da turma. Esse aí é o meu, que em Boa Vista está à venda na livraria Saber por apenas 15 dilmas. Compre esse e o dos colegas escritores e fortaleça a cena literária ao mesmo tempo em que ajuda a aumentar os índices de leitura no País. Se acaso for de outra cidade, peça por e-mail que mando por Correios por somente mais cinco reais.

POESIA

A poesia redigida
foi apenas fantasia
o meu corpo apenas sonha
sou completo empacado
de alma saltitante
e coração falante
mas por fora turvo meu mundo

por fora

todo

mudo

Texto de Brendo Vieira, da nova geração de poetas roraimenses.

 
CONTO
 
É Carnaval
 
As ruas estão enfeitadas com alegria, chegou a época de sair de casa e abrir os braços para a diversão. A noite está mais agitada com a música que toca. Aos poucos a multidão vai se aglomerando nos parques para esquecer os problemas de suas vidas. Chegou a hora de sambar. Venha comigo, amor, quando tudo isso acabar você poderá ir a sua casa e tirar a sua máscara.
 
Não se preocupe em me dizer o seu nome.
 
 Obra de Hêndria Moura, também das novas vozes da escrita local.

POR AMOR...


 
Ou por vício à leitura, seja lá o que for,  leia o livro do poeta Rodrigo Mebs. Procure nas livrarias da cidade ou acha no Facebook o perfil do escritor e faça seu pedido.


MÁFIA DO BEM


Fomente a organização Máfia do Verso. Adquira suas produções e espalhe poesia pela cidade.

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

De estudantes a professores: qualificação profissional transforma a vida de ex-alunos do Senac


O programa Banco de Oportunidades do Senac Roraima (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) divulgou nesta semana a disponibilidade de 53 vagas para diversos empregos no setor de comércio e de serviços.

O Banco de Oportunidades busca inserir no mercado de trabalho pessoas que tenham feito algum dos diversos cursos ofertados pela instituição. A ideia é ajudar os dois lados: as empresas passam a contar com profissionais qualificados e os ex-alunos têm a oportunidade de entrar mais rapidamente na cadeia produtiva. É como se fosse o Sine (Sistema Nacional de Emprego) do Senac.

Além de encaminhar seus ex-alunos para o mercado, a instituição também costuma contratar os mais destacados de suas turmas para que atuem como instrutores nos cursos livres e técnicos ofertados em 10 dos 15 municípios de Roraima. 

Fabiane Cansanção e suas películas (Foto: Divulgação)
Uma dessas pessoas foi Fabiane Cristina Barros Cansanção, que fez na instituição os cursos de designer de sobrancelhas, manicure, pedicure e spa dos pés e mãos. Apaixonada pela área, conforme conta, coleciona esmaltes desde a adolescência e atualmente tem mais de 900 vidros. 

Vinda do Rio de Janeiro, onde trabalhava como auxiliar administrativa, resolveu mudar de profissão para deixar a vida de escritório para trás. Começou então a atuar como manicure e em 2012 entrou no Senac para fazer um curso nesta área. Pelo seu bom desempenho, recebeu uma indicação de sua professora Marliria Duarte e foi convidada para trabalhar como instrutora de unhas artísticas no Senac. Desde então, sua vida profissional mudou completamente. 

Tendo ficado especialista em trabalhar com unhas, além de três turmas no Senac, Fabiane já ministrou aulas para outras cinco no Centro de Capacitação Profissional For Bussines e no Instituto Embelleze, ambos em Boa Vista. Além disso, montou uma empresa para fabricar películas para unhas. Vende o produto em lojas da cidade e também exporta parte da produção. 

“Trabalhava a domicilio e tinha muitas clientes, pois levava para dentro de suas casas todo o ensinamento que obtive no Senac sobre ética e biossegurança, além de utilizar todos os equipamentos de proteção individual necessários. Fui pioneira em trazer para Boa Vista as películas de unhas. O sucesso foi tão grande que decidi abrir uma empresa de películas de unhas, a  AnnaLú Beleza. Hoje, já não atuo mais fazendo unhas, pois as aulas e a empresa me tomam todo o tempo”, conta Fabiane, acrescentando estar muito feliz. 

Realizada profissionalmente e com a satisfação de fazer o que gosta, Fabiane dá no vídeo a seguir duas dicas para quem está fazendo cursos de qualificação e quer obter sucesso com os conhecimentos adquiridos:  


  



DO VOLANTE ÀS TESOURAS – Natural do Maranhão, Wivandel da Silva Siqueira veio para Roraima em  2009 com a mãe e a irmã. Para ajudar nas despesas da casa, foi ser entregador de supermercado. 

Incentivado pela irmã manicure e um tio e primo cabeleireiros, Wivandel buscou o Senac para saber dos cursos na área. “Tive sorte. No dia em que vim perguntar, estavam abrindo as inscrições. E na hora que abre, todo mundo procura e fecham todas as turmas”, relembra. 

Wivandel Siqueira e parte dos alunos do Pronatec (Foto: Edgar Borges
Logo depois de terminar o curso, em 2011, o Senac abriu inscrições para selecionar um instrutor cabeleireiro. Disposto a mudar de profissão, o jovem se inscreveu para fazer as provas. Ficou em segundo lugar, perdendo, naquele momento, a oportunidade de ser professor. 

Depois de ministrar alguns cursos de curta duração na instituição, foi chamado em maio deste ano para ministrar o curso de cabeleireiro profissional pelo Pronatec, com 500 horas de aula para 28 alunos, de segunda a sexta, no Senac Asa Branca.

Sobre a mudança de ser um profissional de mercado para também virar professor, Wivandel afirma que a transição não foi fácil. “Lidar com adultos é complicado. Cada um pensa de uma forma diferente, mas dá para levar”. 

Wivandel divide seu dia entre trabalhar em salões e ministrar as aulas. Ao falar do impacto da qualificação em seu cotidiano familiar, é assertivo: “viemos para cá praticamente sem nada e hoje, graças a Deus, ao emprego e à profissão, tudo mudou bastante em nossas vidas”. 

A respeito do futuro, o jovem cabeleireiro diz ter uma aspiração que nunca pensou ter: “eu não me imaginava sendo professor. Entrei pela renda, que é uma coisa que todo mundo precisa, mas estou gostando tanto que pretendo fazer uma faculdade de Pedagogia”.

O futuro pedagogo, se tudo correr bem, afirma que o mercado absorve rapidamente os bons cabeleireiros. Para garantir que a formação seja adequada, dá duas dicas para quem está estudando: 




QUALIFIQUE-SE – Entre as várias opções de cursos que é possível fazer no Senac, a maior parte das vagas está no Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego), criado pelo Governo Federal para facilitar o acesso ao ensino de qualidade em todas as regiões do país.

São mais de 70 opções. De quatro mil vagas em 2012, a oferta pulou para 13.975 em 2014. Os cursos do Pronatec em Roraima estão previstos para serem reiniciados em fevereiro. Clique aqui para pesquisar quais estão com inscrições abertas.  

Em fevereiro e março de 2015 o Senac Roraima ofertará 60 cursos de qualificação nas áreas de Beleza, Gestão e Comércio, Informática, Turismo, Saúde, Hospitalidade e Lazer. Além disso, haverá turmas para os cursos técnicos em Administração, Serviços Jurídicos, Marketing e em Enfermagem.

Interessados em matrícular-se ou obter outras informações devem ligar para a Central de Atendimento do Senac: 21211901.


sábado, 6 de dezembro de 2014

Coluna Rede Literária, edição # 123, de 06.12.14

PRÓLOGO

Salve, gente bonita!
Olha aqui a 123ª edição da coluna Rede Literária, com dicas de cultura, literatura e outras coisas bacanas. A mais importante das dicas é: compre livros para presentear os amigos e os inimigos neste final. De preferência, compre livros de autores regionais. Encampe essa ideia e vambora ler!

Beijos quase natalinos,

Edgar Borges
Mande notícias: culturaderoraima@gmail.com / edgarjfborges@gmail.com
Siga no twitter: @borgesedgar


MEMORIAL


Boa-vistenses das antigas e gente que curte saber da história da cidade: na quarta-feira (10), às 19h, tem música e dança no lançamento do Memorial da União Operária Beneficente. A ideia é preservar e divulgar a memória do prédio, construído em 1949, e que atualmente está sob responsabilidade da UFRR. Quatro painéis com fotografias que retratam o trabalho e cotidiano dos trabalhadores que ajudaram a construir a estrutura, além de registros das atividades feitas no local entre 1949 e a década de 80, formarão o memorial. É na avenida Nossa Senhora da Consolata, 565, Centro.

MATRÍCULAS

Pais e responsáveis: a renovação de matrículas para os estudantes da rede estadual de ensino será realizada no período de 8 a 22 de dezembro, em horário escolar, das 7h30 às 17h30 para o turno diurno e das 19h às 21h para o turno noturno.

SELFIE NATALINO


Da ilustradora italiana Simona Bonafini, criadora da série que mostra personagens de ficção batendo suas selfies

 LÍNGUAS OFICIAIS           

A boa notícia da semana: o município de Bonfim tornou oficiais as línguas indígenas Macuxi e Wapichana. Esta foi a terceira cidade a reconhecer línguas indígenas como co-oficiais no Brasil. São Gabriel da Cachoeira, no Amazonas, e Tacuru, no Mato Grosso do Sul, são as demais. A Lei Nº 21/2014 foi aprovada na sessão da terça-feira (2) pela Câmara de Vereadores. 


PENSAMENTO POSITIVO


Também da italiana Simona Bonafini























OFICINA

O projeto “Cultura da paz: um olhar fotográfico” promove na quarta-feira (10) a oficina de arte criativa Varal do Pássaro livre, com o artista macuxi Jaider Esbell. Será no Espaço de Arte e Cultura União Operária da UFRR, das 9h às 12h. Os participantes serão incentivados a criar imagens com o tema pássaro e os produtos farão parte de uma exposição.


LIVRO DA FAMÍLIA

O Centro de Educação do Sesc-RR realizou na quarta passada (3) o lançamento do "Livro da Família", produzido por alunos do 9º ano do ensino fundamental. A obra registra a história de cada família dos participantes.


MÚSICA BOA



Neste sábado tem música boa ali na saída de Boa Vista para a Venezuela. Chega junto e curte




CONCERTO NATALINO

Na quinta (11) tem o concerto Oratório de Natal, cantado, regido e solado por acadêmicos do curso de Música da UFRR. O evento será no auditório do Centro Amazônico de Fronteira (CAF), campus Paricarana, a partir das 20h. O espetáculo terá participação de uma orquestra formada por professores, alunos e convidados do Instituto Boa Vista de Música. Entrada franca.

 
GRANDE SERTÃO

Fãs de Guimarães Rosa, se atentem: “Grande sertão: veredas” foi adaptado para quadrinhos  pelo cineasta Eloar Guazzelli e ilustrado por Rodrigo Rosa. A obra foi publicada pela editora Biblioteca Azul, da Globo Livros. São sete mil exemplares a R$ R$ 199,90 cada.

COLECIONADORES

 

Sábado passado (29) rolou na livraria Saber o primeiro encontro de colecionadores de Roraima. Teve gente que levou selos, HQs, moedas, cartões telefônicos e postais. A galera do coletivo Comics Fãs RR levou suas actions figures, miniaturas de carros e quadros.

BEIJÚ

Neste sábado será encerrada, com muita festa, a 5ª edição do Festival do Beijú, aquela comida indispensável para acompanhar um prato de damurida. Se quiser participar, é só chegar na comunidade indígena Tabalascada, município do Cantá.

GULLAR

Tomou posse nesta sexta-feira (5), na Associação Brasileira de Letras, o escritor maranhense Ferreira Gullar, poeta, crítico de arte e um dos fundadores do neoconcretismo brasileiro. A sua cadeira é a de número 37, anteriormente ocupada pelo jornalista e escritor Ivan Junqueira, falecido em julho deste ano.

HOMENAGEADO

O escritor Cristino Wapichana será agraciado na próxima sexta (12) com a medalha da Paz da Coninter (Conselho Internacional dos Acadêmicos de Ciência, Letras e Artes). A entrega será feita na cidade do Rio de Janeiro, onde mora atualmente. Foto: Jorge Mâcedo.

terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Boa Vista ganha nova feira de produtos artesanais

Material exposto na feira

Se você curte decorar sua casa ou presentear os amigos com artesanato, fique atento: Boa Vista ganhou uma nova opção de compras deste tipo de produto. É a Feira Cultural do palácio Latife Salomão, que funciona às sextas e sábados, das 18h30 às 22h. No local, localizado na avenida Glaycon de Paiva, é possível encontrar luminárias, objetos de decoração, chaveiros e muitas outras mercadorias.
 
A feira cultural foi inaugurada no final de outubro e é organizada pela Assenac (Associação dos Colaboradores do Senac), com o apoio do Senac-RR (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial em Roraima) e do Sesc (Serviço Social do Comércio).
 
Artesão Antonio Costa Mesquita
Inicialmente estava previsto que 28 estandes funcionassem. O pouco movimento da feira, resultante do desconhecimento de sua existência por parte do público, fez com que muitos artesãos e comerciantes de alimentos desistissem da iniciativa. Mesmo assim, ainda é possível encontrar produtos interessantes a preços bacanas. É o caso dos brinquedos e objetos decorativos fabricados por Antonio Costa Mesquita.

Antonio faz caminhões, casas de boneca, quadros e móveis de brinquedo utilizando madeira reaproveitada. As técnicas ele adquiriu nos tempos em que era marceneiro, profissão que deixou em 2002 para dedicar-se ao artesanato e torná-lo sua fonte de renda. 

 





 
Nanci Alves Camelo
PESQUISADORA – No ramo do artesanato desde 1990, quando começou a fazer moveis rústicos no município de Iracema, Nanci Alves Camelo é uma autodidata que busca aperfeiçoar-se com técnicas pesquisadas na internet.
 
Como resultado dessas pesquisas, Nanci apresenta na feira do Latife Salomão, entre outros produtos, luminárias feitas com canos de PVC. Com vários modelos, o material de sua tenda é complementado com bonecas e chaveiros de pano feitos a partir de sua imaginação e inspirados em personagens de TV.
 
“Hoje em dia tem a tecnologia da internet, né? E a gente busca muito o aprendizado, vendo o estilo dos outros e fazendo o nosso”, diz Nanci, explicando o seu processo de pesquisa e criação.
Morando há apenas dois anos em Boa Vista, a artesã acredita que a feira é uma oportunidade de crescimento. “Esse espaço aqui é maravilhoso, falta apenas que as pessoas tomem conhecimento dele”.





Outra participante da feira é Élida Santos, artesã há apenas um ano. Sua especialidade é customizar sandálias usando tecido. Além da feira, trabalha ofertando suas criações no bairro onde mora. Cada unidade custa R$ 30. Com as venda, consegue sustentar-se e repor mercadoria para continuar na ativa.


Tucano feito com pedaços de plástico colados sobre vinil
Para movimentar o local, a Assenac está aberta a propostas de eventos em parceria. Pessoas interessadas em fazer shows, exposições e outras atividades precisam apenas dar uma passada na feira e combinar com os representantes as ações.
 
Então, lembre-se:
Feira Cultural do palácio Latife Salomão, às sextas e sábados, das 18h30 às 22h.
Local: avenida Glaycon de Paiva.